A Boca do Inferno (título pedido emprestado a cronista)

Excelente texto de Daniel Amaral hoje no Diário Económico. Vivamente recomendado. Aqui fica um bocadinho:

“Esta é a maldição portuguesa: por cada 100 que produzimos, gastamos 110. Sempre foi assim. Habituámo-nos a viver acima das nossas posses e a dívida lá vai subindo, subindo… Aliás, a própria subida é crescente, porque ao capital juntam-se os juros que também preferimos não pagar. Hoje, contas feitas, a dívida acumulada aproxima-se dos 100 que deixámos lá atrás – o famoso PIB! A sensação é de desconforto…

Aqui têm. Esta foi uma visita guiada ao inferno do endividamento. Não o fiz por masoquismo. A intenção era demonstrar que, sendo este o problema, a solução estaria em fazer o percurso inverso: mais poupança e menos consumo – e, no final, mais produtividade, mais competitividade, mais exportações. Eis o plano. Haverá vontade política para o adoptar?”

Página 5. Edição de 24 de Abril do Diário Económico.

Esta entrada foi publicada em Sociedade. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s