Benfica 32x campeão

O meu modo hibernação na blogosfera é interrompido por um acontecimento merecedor do fim do meu silêncio. A gloriosa conquista do 32º título de campeão nacional de futebol pelo Sport Lisboa e Benfica, o maior e melhor clube português. A festa do título estende-se a todo o país, de Norte a Sul, do Interior ao Litoral. Nem Braga, nem o Porto escapam às celebrações, apesar das tentativas de intimidação de alguns.

No mais bonito campeonato dos últimos, com duas equipas em alta rotação e uma terceira a um nível que, ordinariamente, teria dado título. Mas nada de ordinário aconteceu nesta Liga Sagres, onde o Benfica marcou mais de 70 golos e o Braga fez mais de 70 pontos. Contra qualquer outro Benfica, este Braga teria sido campeão. Com um Braga de outro nível, este Benfica já seria campeão há muito, muito tempo.

Não me vou alongar mais em discursos sentimentalistas. O Benfica é campeão pela 32ª vez, reforça a sua hegemonia no plano interno, e traça como próximo objectivo a solidificação de conquistas na Europa, alicerçadas pelas futuras vitórias caseiras. Que seja a primeira de muitas conquistas esta época onde, entre amigáveis e oficiais, o Benfica ganha sete troféus perde apenas duas provas: a Taça de Portugal e a Liga Europa.

Não restam dúvidas da superioridade do Benfica. Os campeões nacionais foram muito, mas mesmo muito, melhores do que a oposição. O resto são tretas.

O campeão tem ainda mais mérito porque o vice-campeão, Sporting de Braga, foi um aguerrido rival, sempre próximo do Benfica e sempre muito pragmático na sua abordagem ao jogo. O clube da cidade onde moro está de parabéns e terá começado a construir um caminho que, mais ano, menos ano, poderá levar ao título.

O Sporting teve a época que mereceu depois das últimas salgalhadas na sua política desportiva. O FC Porto fez uma temporada que tradicionalmente teria chegado. Este ano não chegou. Tentem para a próxima.

O Benfica é campeão. O país festeja. Afinal, há vida para lá da crise.

Ficam alguns vídeos de momentos importantes na caminhada para o título.

Esta entrada foi publicada em Desporto, Eclipses. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s