A noite em que falhou a luz

Mais do que o resultado final e a consequência prática mais imediata, o jogo de ontem entre Benfica e Porto vai ficar marcado por mais um capítulo deselegante na história recente do relacionamento entre os dois grandes do futebol português. O episódio será tão maior ou menor quanto o seu eco mediático, mas não deixa de simbolizar um comportamento triste dos responsáveis do Benfica que não souberam agir de forma a honrar os pergaminhos do clube. Ligar a água do relvado para molhar a malta, é uma picardia entre rivais. Desligar as luzes foi falta de inteligência, sensibilidade e poderia ter tido resultados desastrosos ao nível da segurança.

Com isto não se discute a ausência de razão (custa-me sempre falar em razão quando o tema do debate é o futebol) por parte dos responsáveis e adeptos do Benfica em não quererem fazer parte da festa do rival do Porto. Para não recuar muito mais, aquando do último título os (muitos) adeptos do Benfica no Norte do país, principalmente em Braga e no Porto, foram impedidos de festejarem o triunfo nas suas cidades por “adeptos” de outros clubes que se prontificaram a fazer o possível e o impossível para lhes remover as razões para celebrarem. Depois temos também os episódios das pedradas, bolas de golfe e as agressões a dirigentes. Tudo coisas ridículas e que em nada dignificam o jogo e apenas serviram para adensar a fúria dos mais extremistas.

Mas o Benfica, enquanto maior clube português, não se pode deixar arrastar por agremiações com feitios menos civilizados. O clube é grande demais para protagonizar episódios destes, numa vingança infantil do género “se eu não posso brincar, ninguém pode”.

Não foi a primeira vez que o Benfica viu um rival festejar um título no seu estádio e, quem sabe, não será a última. Também o Benfica já foi campeão noutros recintos – já vi o Benfica campeão em Braga e todos se recordam do título comemorado no Bessa em 2005 – e sempre pôde fazer a sua festeja sem cortes de luz (embora ambos esses triunfos tivessem sido após partidas jogadas de dia, por isso a questão da luz não era essencial).

O mais importante agora é pensar no seguinte: desde Agosto que o Porto era campeão. As incertezas de Roberto e os pecados de Jesus custaram 3 derrotas em 4 jogos e com a Supertaça o Porto partiu para a temporada com um ascendente moral sobre o ex-campeão nacional.

Rui Costa, LFV e Jorge Jesus têm agora de começar a preparar a próxima temporada, reforçar os sectores mais debilitados (a alternativa a Maxi não pode ser Airton), melhorar bastante a segunda linha (não haver uma alternativa credível a Salvio, por exemplo, não ajuda) e estancar de vez o problema causado pela saída de Ramires – ou se contrata um jogador parecido, ou Jesus joga com alguém ao lado de Javi Garcia, pelo menos em jogos mais exigentes. Também seria conveniente não dar 9 pontos de avanço aos adversários logo no início da temporada.

Dito isto, todos sabemos que esta época apenas se salva se o Benfica conseguir ganhar as duas taças internas e, no mínimo, chegar às meias-finais da Liga Europa – embora todos saibamos que o que a malta quer é ganhar a prova. A questão do 2º lugar penso que não está sequer aberta a discussão.

Para o ano há mais e, se tudo correr bem, a festa volta-se a fazer de vermelho e branco. E desta vez com Luz.

Esta entrada foi publicada em Desporto. ligação permanente.

2 respostas a A noite em que falhou a luz

  1. Ricardo Quintela diz:

    Que alívio. Pensei que era o único benfiquista a pensar exactamente desta maneira e a ter vergonha de todos estes acontecimentos.
    Esqueço-me, erradamente, que existe um outro eu, no Norte do país. Ainda bem.
    Aquele abraço.

  2. já sabes que bom senso é comigo🙂

    hug, homie

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s